Alemanha retoma o controle na fronteira com a Áustria


Perto de chegar ao seu limite de sua capacidade para atender refugiados, a Alemanha retoma o controle fronteiriço na fronteira com a Austria.

“A Alemanha quer restringir o fluxo de refugiados” foi que informou o Ministro do Interior alemão, Thomas de Maziere, na tarde do domingo passado. A medida foi tomada, depois que autoridades em Munique anunciaram que o sistema antigiu sua capacidade máxima para atender pessoas.

Como os serviços de trens foram completamente interrompidos, várias centenas de pessoas provenientes da Hungria que viajaram pela Áustria sentido Munique (Alemanha) tiveram como estação final Salzburg (Áustria), última cidade na fronteira entre ambos países. Refugiados e turistas tiveram que acampar na estação central de trens.

Na Autobahn A8, que conecta os países germano-falantes, o controle fronteriço de todos os veículos foi retomado pela exército alemão. O objetivo é reprimir o tráfico de pessoas e garantir ajuda aos refugiados, a maioria de origem siria.

Embora as informações não sejam concretas no último fim de semana, várias milhares de refugiados cruzaram a fronteira da Áustria rumo a Alemanha, provenientes da Hungría.

Sobre Redação Europa
Luciano Alarcón, é jornalista formado pelo Centro Universitário de Araraquara, foi jornalista e Webmaster da Revista AméricaEconomía em Santiago do Chile, correspondente para o site www.Terra.com e freela para Folha de S. Paulo, entre outros meios na América Latina. Atualmente estuda Superior de Política de Munique e apresenta o programa de Radio "Brasilien in Focus" na Radio Lora FM de Munique. RedaçãoEuropa é a sua redação jornalística direto da Europa. Com notícias atualizadas sob o ponto de vista do jornalismo brasileiro. Porque o diferencial também é notícia, através do RedaçãoEuropa você terá acesso a matérias elaboradas e que as grandes agências não cobrem. Leia nossas matérias, retwitte, comente e informe-se. Um grande abraço sua Redação na Europa.

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: