Embaixadora da Suíça toma medidas contra bolinhas de golfe em sua residência


Devido a cercania a um clube de golf em Caracas, bolinhas de golf caem com frequência no jardim da residência da Embaixadora suíça na Venezuela, que resolveu tomar medidas.

Cansada de que bolinhas de golfe caiam no jardim de sua residência oficial, a embaixadora da Suíça na Venezuela, Sabina Ulmann Shaban, decidiu pendurar uma faixa relembrando aos usuários do clube de golfe que a residência oficial é parte do território nacional suíço, segundo o Tratado de Viena.

Na faixa, além de explicar que uma bolinha de golfe pode chegar a ferir letalmente uma pessoa, está escrito que as bolinhas que passam a cerca da residência podem ser consideradas com um “ataque” ao território nacional suíço, já que o Tratato de Viena de 1963 considera Embaixadas e Consulados, assim como as residência de diplomatas, como território nacional do país representado.

A associação de golfe por meio de seu representante mostrou-se supresa com a reação da embaixadora suiça e comentou que foi uma “reação estranha e exagerada”.

Levado o Tratado de Viena à risca, o fato de uma bolinha de golfe cair no jardim da residência da embaixadora, pode ser sim considerado pela Suíça como invasão do espaço aéreo suíço causam problemas diplomáticos.

Sobre Redação Europa
Luciano Alarcón, é jornalista formado pelo Centro Universitário de Araraquara, foi jornalista e Webmaster da Revista AméricaEconomía em Santiago do Chile, correspondente para o site www.Terra.com e freela para Folha de S. Paulo, entre outros meios na América Latina. Atualmente estuda Superior de Política de Munique e apresenta o programa de Radio "Brasilien in Focus" na Radio Lora FM de Munique. RedaçãoEuropa é a sua redação jornalística direto da Europa. Com notícias atualizadas sob o ponto de vista do jornalismo brasileiro. Porque o diferencial também é notícia, através do RedaçãoEuropa você terá acesso a matérias elaboradas e que as grandes agências não cobrem. Leia nossas matérias, retwitte, comente e informe-se. Um grande abraço sua Redação na Europa.

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: